Um domingo de Sexta Feira Santa

Cont.

Não esqueci nada: sanduíches, sucos, refrigerante, Coco, caixas de chocolates. Tudo conforme havia visto no cinema.

Não lembro de ter tido um domingo mais feliz em minha vida. Passamos três horas brincando, tomando banho de mar, jogando bola e comendo.

Três horas eternas . Bela, nossa cachorrinha, nadou pela primeira veze correu com medo de uma galinha que apareceu por lá.

Tudo era motivo de risos e alegria, até quando meu esposo entrou no mar de cueca, pensando que estava de short e de banho.

Voltamos cansados e felizes.Todos foram dormir e eu corri para me desculpar aos céus por haver transformado aquela sexta feira num domingo.

Cada um seguiu um caminho , mas nossos corações seguem juntos num só amor. Moro junto com a filha mais velha que me presenteou com a netinha de onde tirei inspiração para escrever. A outra, mora do outro lado do globo, nos visita duas ou três vezes por ano e falamos todos os dias , graças a tecnologia. Meu sobrinho concluiu o curso e voltou para sua terra, onde casou e me deixou muitas saudades e lindas recordações.

Meu esposo já está no mundo etéreo, mas presente em todos os nossos momentos. E3 não poderia ser diferente, pois sua ausência se faz eternamente presente.

Ah! Bela, a cachorrinha fez também sua viagem.

4 comentários em “Um domingo de Sexta Feira Santa

  1. Lembro desse dia, nem era comum a gente fazer um passeio como àquele. Foi tão bom que acho que nos marcou profundamente como um dia de felicidade. Sinto saudades também tia Carmen, beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s