31/Primeiro

No quarto relembrando os acontecimentos do dia. Primeiro fui ajudante de cozinha, caminhada no shopping, vó lady boogie, agora sou a sombra do dia.Aos 70 anos tudo cai e muito doi. Dói a solidão, doi a falta de esperança, doi a ausência. Claro, a minha ausência de mim. Procuro o que não fui e encontro o que não tenho. Amanhã ou mais tarde será o dia primeiro. Primeiro de tudo e último do nada. Roda a vida, vira o mundo e as mensagens se repetem em figuras e palavras. Os fogos ficam mais forte, a noite fica mais clara, o sono me embala e o Ano Novo chegou e já começa a envelhecer e, assim vai até o novo dia 31 que vai ser vizinho do dia primeiro. Voltam os fogos, voltam os shows, voltam as mensagens e vão-se on homens.

2 comentários em “31/Primeiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s